domingo, 30 de novembro de 2008

Infância roubada

Hoje não vi a criança que sorria
Apenas vi a que queria brincar e não podia.
Em casas precárias
Vivem crianças solitárias
,Que anseiam o carinho de quem as fez nascer,
Mas o que recebem é apenas medo de viver
.Conflitos diários de uma familía a acabar
Quem paga é a criança que só queria sonhar,
Na noite insegura reina o pesadelo
Pior que sonhá-lo é vivê-lo.




1 comentário:

' Josi Keller disse...

É triste saber k tudo isso existe e nada podemos fazer,eles [autoridades] devem saber disso, devem ler essa pekena mensagem emocionadora k revela muito e cobra demais
Ajude